Welcome Guest!

,

Vale a pena reviver uma antiga paixão?


Durante o relacionamento uma das coisas mais estranhas que acontece é o término de um romance que "não deu certo". Onde tentar explicar o que houve de errado torna-se impossível, quando duas pessoas viviam apaixonadas, se davam bem e tudo mais. Mas, que por um motivo de força maior e sem explicação, tudo acabou...


O fantasma do passado bate à porta. Vai abrir?

Vocês dois tiveram um relacionamento intenso, mas por muitos motivos, não continuou. Cada um seguiu seu caminho até que, como se a vida estivesse pregando uma peça, vocês se reencontram ou, então, bateu uma saudade e a vontade de encontrar de novo aquela paixão antiga. Será que vale a pena investir "no que não deu certo"?

Primeiro é preciso analisar se você está comprometida (o). Se sim, diante desta situação, o melhor seria se afastar. Entrar numa de reencontrar um amor do passado poderia gerar grandes transtornos em seu atual relacionamento. Por outro lado, se você crer na possibilidade de reviver o amor antigo, isso significa que seu caso atual não esteja bem.

Muita gente volta a procurar velhos amores quando tem uma decepção amorosa ou está entediado ou mesmo sentindo-se sozinha (o). Isso porque é mais fácil voltar e buscar algo já conhecido do que desbravar um mundo novo. Portanto, analise bem se esse sentimento não é só uma fuga do presente.

Antes de voltar ao passado, relembre a história de vocês. Como era? Vocês se davam tão bem assim ou tudo ficou menos romântico com o passar dos anos? Qual o motivo de ter chegado ao fim?

Tem vezes em que o tempo pode ser bom para os dois lados refletirem, até que estejam prontos para ficar juntos. Se você tiver certeza dos seus sentimentos e que tudo isso não seja apenas uma má fase da sua nova vida, ou porque se sente sozinha(o), então vale apena reviver essa história.





Receba novas postagens por e-mail, cadastre-se!
ATENÇÃO! "Algumas informações e sugestões contidas nesta página são compartilhadas de outros meios de comunicação, bem como blogs, sites, jornais e revistas impressas. As dicas têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos e outros especialistas."


COMPARTILHAR ESTE POST

Share








ÚLTIMAS POSTAGENS








PUBLICIDADE

Featured

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE