Welcome Guest!

,

Homens introvertidos são excelentes maridos


Paul Hudson, filósofo e escritor do Elite Daily, se considera um introvertido por natureza. Ele conta que embora haja muitos pontos negativos em ser completamente introvertido, há alguns benefícios, como por exemplo, ser um bom marido. Veja o que o escritor tem a dizer sobre a personalidade de um homem introvertido quando o assunto é relacionamento.



1) Ele conhece a si mesmo

Por que a maioria dos relacionamentos falha? Porque a maioria das pessoas não sabe exatamente o que quer. Mas por que elas não conseguem descobrir exatamente o que querem? “Provavelmente porque não se conhecem o suficiente para compreender o que precisam na vida”, revela o filósofo.

Introvertidos têm essa habilidade distinta de diferenciar suas vontades de suas necessidades. “Diferenciar as vontades das necessidades é o primeiro passo para ser capaz de suprimir suas vontades a fim de obter suas necessidades”, afirma Paul.


2) Como ele gasta mais tempo pensando, também pensa mais em você

Introvertidos ficam muito tempo em suas próprias cabeças, pensando, analisando, devaneando e imaginando. Paul explica que mesmo que os pensamentos variem muito no dia a dia, eles focarão mais frequentemente nas pessoas que mais importam na vida deles.

O marido introvertido provavelmente vai gastar mais tempo pensando em você do que o extrovertido. Faz sentido, né? Certamente você não vai encontrar um homem perfeito, mas um “bom partido” é possível encontrar.


3) Ele dificilmente vai te trair

Introvertidos geralmente se importam menos com outras pessoas. Eles não passam muito tempo preocupados em impressionar os outros, interagir, ou falar o que pensa. A menos que se tratem de pessoas importantes para eles e que influenciem em sua vida. “É menos provável que o introvertido seja o cara que dá vida às festas e, por esse motivo, ele não costuma se meter em situações comprometedoras. Se ele não vai falar com outras mulheres, então ele também não vai dormir com elas”, conclui Paul. O fato é que quanto menos chances um homem tiver de trair, menor será a probabilidades de ele trair. “Os números não mentem”, afirma o filósofo.


4) Eles geralmente são mais confiáveis e menos egoístas

É comum as pessoas acharem que um introvertido é mais egoísta, porque ele gasta mais tempo em seus pensamentos do que os extrovertidos. Mas, segundo Paul, eles fazem isso porque acreditam que a maior parte do mundo lá fora deve ser observada, em vez de simplesmente interagida. No entanto, quando eles interagem com o mundo físico, tendem a fazê-lo com mais significado. “Eles não agem pelo simples fato de agir, mas porque sentem necessidade de agir”, informa o filósofo. Além do mais, introvertidos tendem a ser ligados nos seus mais chegados, pois já acham um milagre conseguirem se conectar com outro indivíduo num nível tão profundo.


5) Quando um introvertido entra num relacionamento é porque ele acredita que precisa dessa relação

“Introvertidos ficam tão à vontade consigo mesmos que geralmente não sentem que precisam de mais ninguém”, ressalta Paul. Mas claro, isso só até eles se apaixonarem. “Assim que reconhecem que realmente precisam de outra pessoa, eles são os melhores parceiros que podem ser”.


6) Eles são ótimos pais

Introvertidos passam boa parte de suas vidas sozinhos. Eles são observadores, pensadores e lobos solitários que acreditam que a melhor forma de viver a vida é dar um passo pra trás e analisar o todo. “Quando eles são pais, as coisas mudam — até mais do que mudaram quando se apaixonaram”. Paul comenta que quando o introvertido se apaixona ele descobre que existe alguém tão importante para ele como ele mesmo é para si próprio. Mas a paternidade o ensina algo ainda mais grandioso: existem pessoas nesse mundo mais importantes para ele do que ele mesmo.


Por Danilo Barba | Sexo Oposto





Receba novas postagens por e-mail
ATENÇÃO! "Algumas informações e sugestões contidas nesta página são compartilhadas de outros meios de comunicação, bem como blogs, sites, jornais e revistas impressas. As dicas têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos e outros especialistas."


COMPARTILHAR ESTE POST

Share








ÚLTIMAS POSTAGENS








PUBLICIDADE

Featured

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE