Welcome Guest!

,

Blogueira conta como venceu a insegurança que tinha sobre seu corpo


A maioria das pessoas são ensinadas que para ser digno de um conto de fadas, devemos seguir um padrão de beleza: ser magra e bonita. É provável que por isso não vemos na mídia mulheres gordas com homens magros. Ou então em filmes de Hollywood, o galã nunca está com alguma mulher acima do peso. E até mesmo as princesas de desenhos animados que nunca são gordas.



Image Credit: www.facebook.com/Stroud.Kat


Todos esses questionamentos foram feitos pela blogueira plus size Kat Stroud, que também é modelo e ativista. Kat resolveu escrever sobre suas inseguranças quando começou a namorar o seu atual marido. Ela diz que levou um tempo para perceber que a estética não tinha valor nenhum no seu relacionamento.

“Os primeiros meses de namoro com este homem bonito estavam cheios de inseguranças e dúvidas da minha parte. Esse cara era lindo, e não apenas pelos meus padrões, mas pela sociedade, e eu não pude deixar de questionar seus motivos de estar comigo. O que ele estava fazendo me convidando para sair? Eu queria acreditar que estava no nível dele, mas as dúvidas estavam destruindo qualquer confiança que eu tinha em mim mesma”, afirma Kat.



Image Credit: www.facebook.com/Stroud.Kat


“Mesmo quando começamos a namorar, eu não conseguia afastar a sensação de que eu não era boa o suficiente para ele. Eu pensava: será que ele tá de olho naquela loira magra de salto alto? Eu era a mulher mais gorda que ele já tinha ficado? Eu podia sentir a desaprovação nos olhares e comentários de estranhos em nossa direção. Fomos claramente considerados uma raridade”, conta.

“Quando eu finalmente criei coragem para enfrentar o meu marido com várias perguntas, ele me surpreendeu dizendo que nunca tinha sequer pensado que as pessoas estavam nos julgando. Ele estava espantado com o pensamento que meu peso era um problema a superar. Ele me via como uma mulher desejável, bonita e carinhosa. Ele me fez perceber que eu estava gastando demais o meu tempo preocupada com as percepções dos outros e com meus próprios sentimentos sobre o meu corpo”, afirma.

Image Credit: www.facebook.com/Stroud.Kat






“Minha confiança cresceu e isso me fez sentir mais sexy. Não foi lingerie, joias ou saltos altos. Era a sensação de segurança de saber que eu sou bonita. Em uma sociedade que lucra com a nossa insegurança, a escolha de amar a si mesmo é um ato de rebelião”.

Se você não tem vergonha de seu corpo e se o seu parceiro não tem vergonha do seu corpo, a opinião dos outros começa a enfraquecer. Você não deve dar força para isso", conclui Kat.


Fonte: Yahoo Vida e Estilo





Receba novas postagens por e-mail, cadastre-se!
ATENÇÃO! "Algumas informações e sugestões contidas nesta página são compartilhadas de outros meios de comunicação, bem como blogs, sites, jornais e revistas impressas. As dicas têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos e outros especialistas."


COMPARTILHAR ESTE POST

Share








ÚLTIMAS POSTAGENS








PUBLICIDADE

Featured

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE